sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Doze horas.

O mar
dobra a esquina
em algum lugar
de mim.

Meus olhos ficam à margem
do porto
onde outono é lembrança
de nós.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011